Vila Zelina – O leste europeu em SP

Vila Zelina o leste europeu em São Paulo

Quando digo que São Paulo tem te tudo e muita coisa não conhecida..é verdade.

A Vila Zelina traz um pouco de leste europeu para São Paulo. Neste post vamos conhecer um pouco da história do bairro e o que fazer por aqui.

1 – HISTÓRIA

Enraizado de cultura, a Vila Zelina é conhecida como o bairro de maior concentração de descendentes do leste europeu pela sua história e tradição.

Lituanos que saíram de territórios ocupados pela Polônia migraram para o Brasil no fim da Primeira e antes do início da Segunda Guerra Mundial, fugidos da ocupação russa.

Recém chegados com outros imigrantes do leste europeu, como russos, poloneses, húngaros, búlgaros, ucranianos, croatas, checos, romenos, vikings, e tantas outras nacionalidades, organizações e grupos foram sendo formados. Não há uma data certa para oficializar a fundação do bairro mas, sabe-se que por volta de 1927, já haviam moradores pela região.

Cláudio Monteiro Soares Filho, um dos proprietários de grande parte das terras, não tinha muito tino para a venda e delegou esta função a um imigrante russo recém-chegado, Carlos Corkisko, que após ter ficado na hospedaria dos imigrantes na região do Brás e da Mooca, instalou um escritório no local e, como tinha fluência nas línguas lituana, russa e polonesa, atraiu essas nacionalidades para adquirirem espaços de terras na região que, até então, era conhecida como Baixos do Embuaba.

Zelina era o nome da filha de Cláudio Monteiro Soares Filho e Zenobia Alvarenga Monteiro Soares e, para homenageá-la batizou o bairro com o nome de sua filha.

No bairro aconchegante, pouco verticalizado e com ares de cidadezinha do interior, a Igreja de São José de Vila Zelina fundada em 1936 e construída em mutirão por imigrantes lituanos, celebra missas no idioma lituano até os dias atuais, além de comemorações e eventos lembrando a terra natal dos imigrantes. O Colégio Franciscano São Miguel Arcanjo fundado em 1938 por freiras americanas de ascendência lituana especialmente para atender filhos de imigrantes lituanos do bairro; a Praça República Lituana com a réplica do Monumento da Liberdade em Kaunas, na Lituânia; o tradicional Jornal Musu Lietuva (“Nossa Lituânia”) fundado em 1948 e, um comércio típico que preserva as tradições da culinária, artesanato e variadas formas de expressão, marcam a presença dos países do leste europeu.

A maioria dos imigrantes buscou emprego nas indústrias e fábricas próximas, mas alguns também optaram por instalar um comércio na Vila Zelina. Os primeiros estabelecimentos foram mercearias e empórórios, onde as pessoas vendiam matéria-prima para os pratos típicos do Leste Europeu.

2 – O QUE FAZER

2.1 – ROTISSERIE QUARENA

Visitar este local de comidas típicas do leste europeu. Vale muito a pena!

2.2 – IGREJA BATISTA BOAS NOVAS

Um dos templos mais antigos do bairro, da comunidade russa, construído em 1920.

2.3 -IGREJA SÃO JOSÉ DE VILA ZELINA

As missas até hoje são em lituano.

2.4 – GANDRAS ALUS

Neto de lituanos, Rogério Sventkauskas produz cervejas artesanais ao estilo baltic porter, comum em países como Lituânia, Estônia e Rússia. Também elabora uma bebida bem diferente: a Duonos Gira, conhecida pelos russos como Kvass. Feita a partir de pão preto fermentado e água, ela tem teor alcoólico entre 0,5 e 2%.

2.5 – FEIRA DO LESTE EUROPEU

A feira fica no Parque Ecológico da Vila Prudente e rua do SENAI Vila Alpina a menos de 800m da estação Oratório da linha prata da metrô(monotrilho).

Aretsanato e gastronomia dos países do leste europeu como: Russia, Ucrânia,Croácia, Hungria, Polônia, Bulgária, Romênia, Armênia e Lituânia.

Venham experimentar as delícias da culinária leste européia como o “Varêniki , a Siliótka, o Pelimeni e a Vodca Russa”. A “Bureka” e a “Milina” Búlgara. O “Pinene Knedlik” e a “Becherovka” Tcheca. O “Kugelis” e o “Krupnikas” Lituano . O “Chachlik” Húngaro. O “Kváss” – bebida artesanal fermentada leste européia (tradicional refrigerante de cola natural da região), a “Torta de Maça Verde” Croata e muito mais.

O artesanato típico como as “Matrioshkas” Russas, a Arte Ucraniana em Porcelana , A Machetaria Búlgara, A Arte em Madeira e em Tecido Eslava, a Arte em Couro da Romênia . Os Ovos Pintados com motivos Eslavos e o diversificado artesanato da comunidade de Vila Prudente.

Veja as novas datas no INSTAGRAM ou FACEBOOK

3 – PASSEIOS

4 – LINKS

Você também poderá gostar de:

CONHEÇA O BAIRRO SANTA CECÍLIA

VILA ITORORÓ

CONHEÇA O MERCADO DA LAPA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

41 + = 44

error: Oops. Conteúdo protegido !!
Rolar para cima
Rolar para cima