Pasta alla Norma, uma receita de massa com história

Pasta alla norma Sicilia

Embora não seja tão famosa quanto outras como carbonara  ou bolonhesa, a Pasta alla Norma é bem conhecida no sul da Itália onde, para mim, está a melhor comida italiana.

A receita, originária da cidade de Catânia, na Sicília.

O prato combina ingredientes, cores, aromas e sabores mediterrâneos: berinjela frita, tomate pelado, manjericão fresco e alho; no final, leva ricotta salgada e seca.

A obra-prima de Bellini, que estreou em 1831, no Teatro alla Scala, de Milão, passa-se na antiga Gália, nome das terras dos celtas na Europa ocidental, na época da ocupação romana. Conta a história de Norma (soprano), sacerdotisa suprema do templo. Os druidas – encarregados das tarefas de aconselhamento jurídico e filosófico e do ensino na sociedade celta – aguardam sua ordem para se rebelarem  contra os romanos. Norma adia a decisão por uma razão particular. O motivo era manter um romance secreto com o pro cônsul romano Pollione (tenor), com quem tem dois filhos em segredo.

Há explicações contraditórias para a origem da Pasta alla Norma. Uma lenda diz ter sido  inventada por um cozinheiro de Catânia, portanto conterrâneo de Bellini, para animá-lo depois do insucesso da primeira apresentação de sua ópera. A platéia do Teatro alla Scala assistiu a estréia de Norma com frieza.

Outra versão conta que, em 1920, 85 anos depois da morte do compositor, um ator catanês levou amigos para jantar em sua casa. Quando a cozinheira colocou na mesa a travessa de massa, um dos convidados, o diretor de cinema e teatro, escritor e poeta Nino Martoglio (1870-1921), exclamou: “Chista è ‘na vera Norma!” (Esta é uma verdadeira Norma!) Acabou batizando a receita. Em Catânia, qualifica-se de Norma tudo o que é considerado sublime. Caso a história envolvendo Martoglio proceda, o autor da ópera Norma sequer  conheceu a massa que homenageia sua criação.

RECEITA: SPAGHETTI ALLA NORMA (*)

Rende 4 porções

INGREDIENTES

  • 320 g de spaghetti de grano duro n. 5 ou penne
  • 1 berinjela de 500 g fresca (deve ser inchada e dura ao tato)
  • 50 g de farinha de trigo
  • 1 litro de óleo de girassol (para a fritura)
  • 30 ml de azeite extravirgem de oliva
  • 1 dente de alho com a pele
  • 300 g de tomates pelados
  • 100 g de ricotta seca e salgada
  • 1 fio de azeite extravirgem de oliva para regar a ricotta
  • Sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
  • Sal  (para a água da massa)
  • Folhas de manjericão (para a decoração)

Obs: Eu acrescento tomate seco, molho de tomate, orégano e azeitonas pretas…MUITAS!

PREPARO

1. Lave a berinjela e corte-a, com a casca, em cubos de 2 cm.  Polvilhe com sal, pimenta, farinha de trigo e frite-a, aos poucos, no óleo de girassol preaquecido a 160°C, até ficarem bem douradas e secas.

2. Retire os cubos de berinjela com uma escumadeira, sacudindo para sair o excesso de óleo. Passe-os em seguida para uma assadeira revestida de papel absorvente, para terminarem de secar.

3. Em uma panela, leve ao fogo o azeite e o dente de alho (com a pele) levemente amassado com a lateral da faca. Deixe o azeite tomar o gosto do alho, retire-o e acrescente os tomates pelados. Cozinhe por cerca de 5 minutos ou até toda a água do molho ter evaporado. Reserve.

4. Leve uma panela com água ao fogo, calculando 2 litros de água para cada 100 g de massa e 10 g de sal grosso para cada litro de água. Quando ferver, adicione o sal , junte a massa e escorra-a  al dente. Passe-a para a panela com o molho e leve rapidamente ao fogo. Junte as berinjelas e sirva com a ricotta regada com o azeite e as folhas de manjericão da decoração.

Então, vai tentar fazer?

Leia também sobre Catânia, clicando aqui 

Nada melhor do que viajar pela Sicilia de carro. Faça orçamento clicando na imagem:


Viaje tranquilo fazendo um seguro viagem com a gente. Clique na imagem:


Seguros Promo

Cadastre-se no blog para receber atualizações:

Erro: Formulário de contato não encontrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ 74 = 81

Rolar para cima
Rolar para cima