Nuñoa – Local que combina vida de bairro, boemia e vida universitária

Bairro Nunoa Santiago do Chile

Pouco conhecido por turistas, o bairro pode oferecer bastante para quem quer conhecer a vida local e fora do tumulto turístico.

INTRODUÇÃO

Ñuñoa é um bairro residencial de classe média alta (comuna, em espanhol) localizado a leste de Santiago Centro e ao sul de Providencia. É uma das comunas originais de Santiago, fundada em 1894. Conhecida como a capital cultural de Santiago, Ñuñoa é o lar de artistas e músicos, e contém muitos campi universitários, teatros e a famosa Plaza Ñuñoa.

Vamos ver um por um.

CAMPUS ORIENTE

Campus Oriente é um dos cinco campi que fazem parte da Pontifícia Universidade Católica do Chile. A Universidade Católica é a segunda maior do Chile e uma das mais prestigiadas. O Campus Oriente alberga os departamentos de Artes Visuais, Teatro, Dança, Música e Estética. É um campus muito tranquilo, com salas de aula dispostas em torno de um belo pátio interno que leva à capela. Foi construído em 1934 e era originalmente um convento para freiras francesas que também administravam uma importante escola católica para meninas até que se tornou parte da Universidade em 1971.

A rua onde está localizado o Campus chama-se Jaime Guzmán Errázuriz, em homenagem a um ex-senador chileno de mesmo nome que foi assassinado em frente aos portões deste campus em 1991. Gúzman foi assessor próximo do general Augusto Pinochet durante a ditadura militar, que terminou em 1990. Durante a transição para a democracia, fundou a União Democrática Independiente (UDI), partido político de extrema-direita, e foi eleito senador. Ele era professor de direito constitucional na Universidade Católica, e na época tinha seu escritório no Campus Oriente. Ele foi assassinado por membros do grupo terrorista de esquerda, a Frente Patriótica Manuel Rodríguez, quando saía da universidade.

Atualmente, o Campus Oriente é conhecido como o Campus das Artes, e muitos eventos de artes cênicas e exposições de arte são realizados aqui. O campus está aberto de segunda a sábado.

PLAZA NUÑOA

No final do século XIX, com a expansão de Santiago, surgiu a Plaza Ñuñoa devido à forma como os lotes foram divididos. As entradas para esses terrenos circundavam a praça. Hoje, você pode ver duas palmeiras que se erguem acima das demais na parte sul da praça – essas árvores datam dessa época.

O belo edifício branco que você vê na borda norte da praça é o Edifício Municipal de Ñuñoa. Espalhando-se para o sul, as áreas verdes do Plaza são pontos de encontro populares de fim de semana para as famílias, e muitas vezes você verá pessoas sentadas em bancos, tomando sorvete e observando a fonte. Se você olhar para as árvores mais altas, poderá ver papagaios verdes, que na verdade são uma espécie invasora da Argentina. Atravessando, no trecho sul, encontram-se quiosques de venda de livros, artesanato e outros artigos, além de um mirante onde acontecem shows ao ar livre durante o verão.

Hoje a Plaza é popular por sua vida noturna, pois é cercado por bares, restaurantes e pubs, além de casas de shows de música ao vivo e o Teatro da Universidade Católica. Desde a década de 1980, estudantes e jovens profissionais frequentam a Plaza, principalmente o Bar Las Lanzas, na rua Humberto Trucco, que ficou conhecido como ponto de encontro da esquerda. Outro local clássico, especialmente popular entre os estudantes, é o Café Dante, na esquina da Jorge Washington com a Irarrázaval. Está localizado ao lado do Teatro da Universidade Católica, antigo Teatro Dante. Para bares e restaurantes mais sofisticados, siga para o norte na Jorge Washington ou vire à direita na 19 de Abril. Aqui você encontra bares e restaurantes que servem comida japonesa, mexicana, espanhola, entre outras.

GOLFO DI NAPOLI

Comida italiana não é difícil de encontrar em Santiago. A boa comida italiana, por outro lado, costuma ser outra história. O melhor restaurante italiano da região metropolitana é, sem dúvida, o Golfo di Napoli, do italiano Vicenzo Guarino. A decoração é simples, mas a comida é inegavelmente ótima. No entanto, não espere que isso cause muitos danos à sua carteira. 

Este restaurante é o que os chilenos chamam de picada, um restaurante informal que serve almoços especiais e se tornam conhecidos pelo boca a boca. Embora recentemente tenha ganhado mais notoriedade, por muitos anos o Golfo di Napoli não era muito conhecido. Você notará que sua entrada é muito discreta, quase escondida. No entanto, apesar disso, o interior é grande. No horário de pico do almoço, pode haver uma pequena espera por uma mesa.

FUENTE SUIZA

A família Laengle abriu o Fuente Suiza neste local em 1954. Originário da Suíça via Argentina, foi assim que o restaurante ganhou seu nome. A família Laengle ainda faz parte do negócio, que agora emprega mais de 50 pessoas.

A especialidade do Fuente Suiza são as empanadas fritas. Você pode escolher entre queijo, queijo e camarão, queijo e vieiras ou o clássico pino, que é uma mistura de carne moída, cebola, passas e uma azeitona. Você pode pedir empanadas para viagem ou comer no balcão do primeiro andar do local, ou se tiver um apetite maior, subir para sentar e experimentar um dos deliciosos sanduíches.

ESTÁDIO NACIONAL

O Estádio Nacional foi inaugurado em 1938 e é a atual sede da Seleção Chilena de Futebol, carinhosamente conhecida como La Roja. Muitos jogos da Copa do Mundo de 1962 foram disputados aqui, incluindo as semifinais e finais.

Após o golpe militar de 1973 que levou o ditador Augusto Pinochet ao poder, o estádio foi transformado em um centro de detenção. Mais de 40.000 presos passaram pelo estádio, incluindo cerca de 300 estrangeiros.

Após a transição para a democracia, o estádio sediou um megaconcerto pelos Direitos Humanos patrocinado pela Anistia Internacional. Este foi um evento simbólico, dado o papel que o estádio desempenhou durante a ditadura. Desde então, tem sido palco de inúmeros shows e eventos importantes.

BOULEVARD PLAZA NUÑOA

O Boulevard Nuñoa é um local nao tão frequentado por turistas com vários bares, restaurantes, supermercados, aberto até tarde da noite durante fim de semana e sem contar a bela vista da Cordilheira dos Andes.

MESQUITA AS- SALAM

Mezquita As-Salam foi a primeira mesquita construída no Chile e uma das duas mesquitas em Santiago. A construção da mesquita foi concluída em 1989. Atualmente, aqui são praticadas as cinco orações diárias, bem como as orações de sexta-feira, mês do Ramadão, e Eid Al Fiter e Eid al Adha, as duas festas islâmicas anuais. Desde 1996, atende apenas muçulmanos sunitas, enquanto os muçulmanos xiitas adoram na Central de Cultura Islâmica em Las Condes.

Mesquita As-Salam administra o primeiro cemitério muçulmano no Chile, bem como uma madrasa (escola islâmica). Eles também concedem a certificação Halal, que garante que alimentos, bebidas e remédios não contêm nenhum ingrediente proibido pela lei islâmica.

Se você deseja agendar uma visita à mesquita, visite o site e preencha o formulário de contato.

VILLA FREI

Criada nos anos 60, por iniciativa privada, foi projetada para ser um local calmo, com muito verde e grandes espaços de convivência. Lembra bastante Brasília. Legal caminhar por suas ruas e descobrir o local.

COMO CHEGAR

De metrô pela linha 6 (estação Estádio Nacional), ou pela linha 3 (estação Chile- España).

PASSEIOS

LINKS

O QUE FAZER EM LAS CONDES

O QUE FAZER NO BAIRRO BELLA VISTA

HOTEL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

60 + = 62

error: Oops. Conteúdo protegido !!
Rolar para cima
Rolar para cima