O Que Fazer em Olinda: Pontos Turísticos, Mercados e Praia

O que fazer em Olinda

Destino que mistura o profano Carnaval e o sagrado das igrejas que contam sua história, a cidade é listada como Patrimônio Histórico pela Unesco.

Descubra a história, o que fazer e tudo mais que você não pode perder na capital dos bonecos gigantes! Confira!

1 – HISTÓRIA

Fundada em 1537, a então capital da Capitania de Pernambuco viveu, nessa época (século XVI), o período áureo da economia da cana de açúcar e se consolidou como sede da capitania de Pernambuco. Em 1630, foi invadida pelos holandeses e incendiada, um ano depois. Com a cidade destruída pelo incêndio, houve a transferência da capital para Recife.  Após 25 anos de guerra, consolidou-se o domínio português, mas a hegemonia de Olinda confrontava-se com o crescimento do Recife. A cidade perdeu definitivamente o título de capital para Recife, em 1837.

Sua reconstrução se deu ao longo do século XVIII, com novas igrejas e restauração das antigas atingidas pelo incêndio. Durante esse século, sediou conflitos de motivação nativista e libertária contra a Coroa Portuguesa, que ocorreram no processo da Independência do Brasil. Após atravessar uma fase refluxo no mercado açucareiro, passou a exercer outros papéis urbanos e ganhou estatura aristocrática e se tornou um local voltado para recreação, estudo, tratamento da saúde e devoção religiosa.  Fonte: IPHAN.

2- O QUE VER

2-1 – CENTRO HISTÓRICO
2-1-1 – CATEDRAL DA SÉ DE OLINDA

Catedral de São Salvador do Mundo ou Catedral Sé de Olinda é um templo católico localizado em Olinda.

Trata-se da maior igreja quinhentista do Brasil, e a mais antiga de Olinda, fundada em 1540. Em Pernambuco, foi precedida apenas pela Igreja dos Santos Cosme e Damião de Igarassu, a mais antiga igreja brasileira de acordo com o IPHAN.

 2-1-2 -OBSERVATORIO DO ALTO DA SÉ

O Observatório Astronômico do Alto da Sé foi construído próximo ao local onde, em 26 de fevereiro de 1860, o astrônomo francês Emmanuel Liais observou e descreveu o cometa Olinda, sendo o primeiro cometa descoberto na América do Sul e em território brasileiro. Hoje tem-se uma bela vista da cidade . End: R. Bpo. Coutinho, 737 – Carmo.

2-1-3 – MUSEU DE ARTER SACRA DE PERNAMBUCO

O Museu de Arte Sacra de Pernambuco (MASPE) é um museu localizado em um prédio histórico de Olinda. O prédio que hoje abriga o museu foi construído no século XVII, no Alto da Sé, a colina sobre a qual Duarte Coelho fundou a cidade, em 1535.

O acervo é composto por imagens antigas eruditas, além de pinturas de arte sacra popular e objetos do culto nas igrejas. O acervo fixo do MASPE partiu de peças cedidas pela Arquidiocese de Olinda e Recife, sendo enriquecido posteriormente. Hoje o museu reúne peças religiosas do século XVI até atualmente, incluindo importantes exemplares de arte popular contemporânea. End: R. Bpo. Coutinho, 726 – Carmo.

2-1-4 – BONECOS GIGANTES DE OLINDA

Bonecos de Olinda são bonecos gigantes originados na cidade de Olinda e usados em eventos festivos como o Carnaval de Pernambuco. São feitos de tecido, isopor, papel, madeira, fibra de vidro e alumínio.

Os bonecos gigantes surgiram na Europa e em Portugal por volta da Idade Média, onde eram utilizados em procissões em forma de santos católicos. Eles chegam a Pernambuco através da pequena cidade de Belém do São Francisco, no sertão do estado, com a vinda de um padre belga que levou ao conhecimento de seus discípulos esta tradição europeia, sendo desta cidade a origem a criação do primeiro boneco gigante do Brasil em 1919, Zé Pereira. End: R. Bpo. Coutinho, 780 – Carmo. SITE.

2-1-5- CASA ESTAÇÃO DA LUZ

A casa do cantor e compositor Alceu Valença virou um centro cultural, gastronômico e de evventos bem no centro histórico de Olinda. Veja programação aqui.

2-1-6- MERCADO DE ARTESANATO DA SÉ

Com o objetivo de reordenar o comércio local e proporcionar mais conforto aos visitantes, o Mercado de Artesanato da Sé, recebeu os comerciantes que ficavam instalados na lateral da Caixa D’Água. Com mais conforto e comodidade, os visitantes podem agora, além de apreciar e adquirir lembranças e artigos da arte local, admirar a estonteante paisagem que pode ser vista do novo espaço. End: R. Bpo. Coutinho, 669 – Carmo.

2-1-7 – MERCADO DA RIBEIRA

O Mercado da Ribeira é um lugar emblemático da cidade de Olinda. Construído por volta de 1690, o espaço já foi palco de diversas atividades comerciais ao longo dos séculos, tornando-se um símbolo da vida urbana e da cultura da região.

3 – PRAIAS

A praia mais movimentada de Olinda é a Praia da Casa Caiada, preferida entre os turistas por sua excelente infraestrutura de bares, restaurantes e comércio.

Se você prefere praias mais calmas, não deixe de visitar a Praia Rio Doce, que tem uma ampla faixa de areia. 

Preferida entre os moradores da cidade, a Praia do Carmo é adequada para a prática de esportes náuticos, como surfe.

Praia dos Milagres, por sua vez, está entre as mais belas da cidade, com muitas rochas e areias, com vista para Recife.

Agora você tem um roteiro para iniciar sua visita a Olinda!!

PASSEIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ 15 = 22

error: Oops. Conteúdo protegido !!
Rolar para cima